Frete Grátis Sul e Sudeste nas Compras Acima de R$260,00; Frete Fixo para região Sul e Sudeste (R$ 11,50); Parcelamento em até 10x; Entregamos em todo o Brasil
Meu carrinho
0
Seu carrinho está vazio
O que você está procurando?
x

Dicas

Amamentação

Publicado em 14.07.2023 |
Visualizações
3 visualizações

AMAMENTAÇÃO 
 
A importância da amamentação: 
 
1. Nutrição completa: O leite materno contém todos os nutrientes essenciais que o bebê precisa para crescer e se desenvolver adequadamente, incluindo proteínas, carboidratos, gorduras, vitaminas e minerais. Além disso, o leite materno é facilmente digerido e absorvido pelo organismo do bebê. 
  
2. Proteção contra doenças: O leite materno contém anticorpos que ajudam a proteger o bebê contra uma série de infecções, incluindo infecções respiratórias, gastrointestinais e urinárias. Isso ocorre porque a mãe passa seus anticorpos para o bebê durante a amamentação. 
  
3. Estímulo ao desenvolvimento: A amamentação também ajuda a estimular o desenvolvimento cognitivo e emocional do bebê, devido ao contato pele a pele e ao vínculo criado entre mãe e filho durante a amamentação. 
  
4. Benefícios para a mãe: Além dos benefícios para o bebê, a amamentação também traz benefícios para a mãe, como a redução do risco de câncer de mama e de ovário, a perda de peso pós-parto e a liberação de hormônios que ajudam a promover a recuperação do útero. 
 
5.Economia e praticidade: Além de todos os benefícios para a saúde, a amamentação também é econômica e prática, pois dispensa a necessidade de comprar e preparar fórmulas infantis. 
  
Em resumo, o leite materno é fundamental para a saúde e o desenvolvimento do bebê, oferecendo uma nutrição completa, proteção contra doenças, estímulo ao desenvolvimento cognitivo e emocional, além de benefícios para a mãe. Por isso, é recomendado que as mães amamentem exclusivamente seus bebês até os seis meses de idade e, em seguida, continuem amamentando junto com a introdução alimentar até os dois anos ou mais. 
 
 
 
TÉCNICAS DE AMAMENTAÇÃO; 
 
A amamentação é uma das experiências mais gratificantes e importantes para a mãe e o bebê. No entanto, pode ser um desafio para algumas mães, especialmente quando surgem problemas como mastite e ingurgitamento. Neste artigo, vamos compartilhar algumas técnicas de amamentação e dicas para lidar com esses problemas. 
 
1. Posição correta - A posição correta é fundamental para uma amamentação eficaz. Certifique-se de que o bebê esteja posicionado de frente para o seio, com o queixo tocando o seio. O nariz do bebê deve estar livre para respirar. A mãe pode sentar-se confortavelmente em uma cadeira com apoio para as costas, usar travesseiros para apoiar o bebê e manter as costas retas. 
  
2. Pega correta - A pega correta é importante para garantir que o bebê esteja recebendo leite suficiente e para evitar dor e fissuras nos mamilos. Certifique-se de que a boca do bebê esteja aberta o suficiente e que ele esteja com a maior parte da aréola na boca. 
  
3. Alternância de seios - É importante alternar os seios durante a amamentação para garantir que ambos os seios sejam esvaziados e para estimular a produção de leite. 
  
4. Amamentação sob demanda - A amamentação sob demanda é recomendada para garantir que o bebê esteja recebendo leite suficiente e para estimular a produção de leite. O bebê deve ser alimentado sempre que estiver com fome, o que pode ser a cada duas ou três horas. 

Aceite os cookies e tenha uma melhor experiência em nosso site, consulte nossa Política de Privacidade.