Frete Grátis Sul e Sudeste nas Compras Acima de R$260,00; Frete Fixo para região Sul e Sudeste (R$ 11,50); Parcelamento em até 10x; Entregamos em todo o Brasil
Meu carrinho
0
Seu carrinho está vazio
O que você está procurando?
x

Categoria Blog

Picos de Desenvolvimento

Publicado em 10.07.2023 |
Visualizações
18 visualizações

PICOS DE DESENVOLVIMENTO 
 
Os picos de desenvolvimento são momentos em que o bebê passa por um rápido crescimento e aprendizado, e podem ser acompanhados de mudanças comportamentais, emocionais e físicas. Essas mudanças podem ser desafiadoras para os pais, mas são uma parte natural do desenvolvimento infantil. Aqui estão alguns picos de desenvolvimento que os pais podem esperar: 
 
1. Pico de desenvolvimento do recém-nascido (de 0 a 6 semanas) 
Durante o primeiro mês de vida, os bebês passam por um grande número de mudanças físicas e emocionais. Eles começam a desenvolver suas habilidades motoras, como sustentar a cabeça e mover os braços e as pernas. Eles também começam a reconhecer o rosto da mãe e a responder a estímulos sonoros e visuais. No entanto, esse período também pode ser desafiador para os pais, pois o bebê pode ter dificuldade em dormir e se alimentar. 
 
2. Pico de desenvolvimento do segundo mês (de 6 a 8 semanas) 
Durante o segundo mês de vida, os bebês se tornam mais alertas e ativos. Eles começam a sorrir, a vocalizar e a acompanhar objetos com os olhos. Eles também podem começar a dormir por períodos mais longos à noite. No entanto, esse período também pode trazer mais choro e irritabilidade, pois o bebê está se adaptando a um novo ambiente e a novas sensações. 
  
3. Pico de desenvolvimento dos 3 meses (de 12 a 14 semanas) 
Durante o terceiro mês de vida, os bebês começam a desenvolver suas habilidades sociais e emocionais. Eles podem sorrir e rir mais, reconhecer vozes familiares e seguir objetos em movimento. Eles também podem começar a se virar, rolar e apoiar-se nos cotovelos. Esse período pode ser desafiador para os pais, pois o bebê pode ter mais dificuldade em dormir à noite e pode ficar mais irritável. 
 
4. Pico de desenvolvimento dos 6 meses (de 22 a 26 semanas) 
Durante o sexto mês de vida, os bebês começam a desenvolver suas habilidades motoras finas e grossas. Eles podem sentar-se sem apoio, pegar objetos com as mãos e rolar de um lado para o outro. Eles também começam a vocalizar mais e a imitar sons. No entanto, esse período também pode trazer mais ansiedade de separação, pois o bebê começa a reconhecer a presença e a ausência dos pais. 
 
5. Pico de desenvolvimento dos 9 meses (de 37 a 46 semanas) 
Durante o nono mês de vida, os bebês começam a desenvolver suas habilidades de comunicação e interação social. Eles podem dizer "mamãe" e "papai", acenar e dar tchau, e imitar gestos e expressões faciais. Eles também podem começar a engatinhar e a se mover em direção a objetos que lhes interessam. No entanto, esse período também pode trazer mais ansiedade de separação e frustração, pois o bebê quer explorar o ambiente, mas ainda não tem a habilidade de fazer tudo o que deseja. 
 
Em conclusão, os picos de desenvolvimento são uma parte natural do crescimento infantil e podem trazer mudanças comportamentais, emocionais e físicas para o bebê. Embora possam ser desafiadores para os pais, é importante lembrar que essas mudanças são uma parte importante do desenvolvimento do bebê e que passarão com o tempo. Os pais podem ajudar seus bebês durante esses picos de desenvolvimento, oferecendo amor, apoio e estímulos adequados às necessidades do bebê. 


DICAS PARA AJUDAR OS PAIS A LIDAREM COM OS PERIODOS DESAFIADORES E APROVEITÁ-LOS AO MÁXIMO; 
 
Os períodos desafiadores podem ser momentos difíceis para os pais, mas também são oportunidades valiosas para o desenvolvimento dos filhos. Neste blog, vamos dar algumas dicas para ajudar os pais a lidar com esses períodos e aproveitá-los ao máximo. 
  
1. Entenda que os períodos desafiadores são normais 
Os períodos desafiadores são uma parte normal do desenvolvimento infantil. Eles podem incluir a fase da birra, a fase de oposição e a adolescência. É importante que os pais entendam que esses períodos são normais e que fazem parte do processo de crescimento dos filhos. 
  
2. Mantenha a calma 
Quando os filhos estão passando por um período desafiador, é fácil para os pais se sentirem frustrados e estressados. No entanto, é importante que os pais mantenham a calma e evitem reagir com raiva ou impaciência. Isso pode piorar a situação e deixar os filhos ainda mais ansiosos e irritados. 
  
3. Comunique-se com seus filhos 
A comunicação é fundamental para lidar com os períodos desafiadores. Os pais devem falar abertamente com seus filhos sobre o que está acontecendo e como podem trabalhar juntos para superar os desafios. Os filhos também devem ser encorajados a expressar seus sentimentos e opiniões. 
 
4. Seja consistente 
A consistência é importante em todas as fases do desenvolvimento infantil, mas é especialmente importante durante os períodos desafiadores. Os pais devem ter regras claras e consistentes e serem firmes em sua aplicação. Isso ajuda a estabelecer limites e a fornecer uma sensação de segurança para os filhos. 
 
5. Encontre atividades que ajudem a aliviar o estresse 
Os períodos desafiadores podem ser estressantes para os filhos e para os pais. Encontrar atividades que ajudem a aliviar o estresse pode ser útil para todos. Isso pode incluir exercícios físicos, atividades criativas, jogos em família ou simplesmente passar tempo ao ar livre. 
  
6. Busque apoio 
Lidar com os períodos desafiadores pode ser difícil e os pais podem precisar de apoio. Isso pode incluir conversar com amigos ou familiares, participar de grupos de apoio ou buscar aconselhamento de um profissional. 
Os períodos desafiadores podem ser difíceis, mas também podem ser oportunidades para o crescimento e desenvolvimento dos filhos. Ao seguir essas dicas, os pais podem ajudar seus filhos a superar esses desafios e aproveitar ao máximo esses momentos importantes. 
 

Aceite os cookies e tenha uma melhor experiência em nosso site, consulte nossa Política de Privacidade.